Voluntários do GRV e Defesa Civil/Campos reunidos com a Defesa Civil Nacional no RS

Os 16 voluntários de Campos saíram daqui na quarta-feira (15) e, depois de cerca de 30 horas de viagem, chegaram ao estado do Rio Grande do Sul, onde mais de 30 municípios foram afetados pela enxurrada de água das chuvas

Por Manchete Campos News em 20/05/2024 às 15:35:22

As águas das chuvas que caíram em todo o estado do Rio Grande do Sul baixaram cerca de 1 milhão neste final de semana, especialmente no município de Canoas, uma das cidades mais atingidas pela enxurrada e local onde os 16 integrantes do Grupo de Resgate Voluntário (GRV ) a representante da Secretaria de Defesa Civil de Campos, Scheila Leal, estão sedadas. Neste final de semana, equipes da Defesa Civil Nacional se reuniram com os voluntários de Campos para traçar novas estratégias de ajuda às vítimas e balanço das ações realizadas.

A equipe do GRV e a coordenadora do Núcleo, Proteção e Defesa Civil estão em Canoas, no bairro Mathias Velho, mesmo local onde estão as equipes dos Anjos do Asfalto. O grupo de voluntários de Campos foi dividido em duas equipes, uma ficando na base - principal ponto de chegada de pessoas, além de animais, muitos deles feridos e precisando dos primeiros socorros - e a outra, composta pela equipe de salvamento aquático, foi para Porto Alegre.
O presidente da GRV Emílio Martins, explica que a equipe de Campos realizou neste final de semana uma série de atendimentos, como por exemplo, a pessoas com hipotermia, ferimentos diversos ocasionados por animais e outros, a mulheres grávidas, crianças e idosos, totalizando mais de 200. "Os atendimentos não restritos ao solo, também fomos à água com atendimento com barcos na questão de manutenção de medicamentos e levando alimentos e água para as pessoas que estavam nas residências isoladas, além de fazermos a transposição de lugares alagados até os locais que já estão secando para chegar nas comunidades", conta Emílio Martins, acompanhado de médicos, enfermeiros, técnicos de enfermagem, equipe de rádio comunicação e operacional, entre outros voluntários de Campos.

A coordenadora do Núcleo, Proteção e Defesa Civil de Campos, Scheila Leal, esteve reunida com a equipe da Defesa Civil Nacional, em apoio logístico, repassando informações das atividades locais. "Tudo aqui foi e continua sendo muito planejado para que as ações aconteçam da melhor e tenham sucesso como estão tendo, graças a Deus. Os dias aqui continuam nublados e com chuva fina e os trabalhos não param. As necessidades ainda são muito grandes", acrescenta Scheila Leal.

ATUAÇÃO

Os 16 voluntários de Campos saíram daqui na quarta-feira (15) e, depois de cerca de 30 horas de viagem, chegaram ao estado do Rio Grande do Sul, onde mais de 30 municípios foram afetados pela enxurrada de água de chuva. Eles foram direto para o município de Canoas, cidade de pouco menos de 350 mil habitantes, uma das mais afetadas pelas águas. Estão centrados no bairro Mathias Velho.


Comunicar erro

Comentários